4 Formas de escalar suas vendas na internet

Com o advento do mercado digital, muitas categorias e modelos de negócio surgiram, e todos focados em escalar vendas e aumentar faturamento. Neste artigo você vai conhecer os principais e descubrirá como pode usá-los para aumentar o faturamento do seu negócio, seja ele físico ou digital.

Sumário

O comércio digital evoluiu e com ele surgiram novas modalidades de negócios.

A grande maioria dos empreendedores que trabalham na internet acabam optando por modalidades como:

  • dropshipping,
  • afiliado digital,
  • prestador de serviços online,
  • produtor digital

mas o que exatamente essa galera faz?

Trouxemos para vocês o que é cada uma dessas modalidades de negócio online, e com um bônus no final: Um exercício mental para descobrir como usar essas modalidades para alavancar as suas vendas!

O que é cada coisa?

Dropshipping

Dropshipping é basicamente um modelo de negócios em que o fabricante, fica encarregado de produzir ,armazenar e enviar o produto em nome da loja.

Dentro desse modelo o empreendedor determina o preço de venda e fica responsável pelo marketing do produto e da loja.

Geralmente, essa modalidade é usada para produtos físicos, já que o objetivo principal é realizar vendas sem estoque.

Marketing de afiliados

O marketing de afiliados funciona de maneira similar, já que o “gerenciamento de estoque” e o envio do produto fica por conta fabricante.

Mas há uma grande diferença entre o dropshipping e o marketing de afiliados…

Enquanto lojista, você como afiliado não pode pode alterar o valor do produto. Seu faturamento depende da porcentagem de comissão em cima de cada venda realizada.

Esta é uma modalidade hibrida na maioria esmagadora das vezes.

Pode ser feita tanto com produtos digitais quanto produtos físicos.

Produtor

Basicamente, o produtor é o nome que se dá a fabricantes de produtos digitais, mais conhecidos como “infoprodutos”.

Na maioria das vezes, o produtor fabrica e vende seu conhecimento, experiência, ou serviço.

É muito comum serem especialistas em determinado assunto, além de ter um bom conhecimento na área de marketing, mas normalmente eles terceirizam essa parte e é aí que entra outra categoria da nossa lista.

Prestador de serviço digital

Os prestadores de serviço digital são, em resumo, pessoas que trabalham com fotografia, edição de vídeo, criação de conteúdo, gestão de tráfego e tem um grande conhecimento em áreas distintas do marketing digital.

Geralmente, são contratados para criar estratégias estruturadas e planejadas para alcançar grandes performances.

Existem várias categorias de prestador de serviços digitais, como por exemplo:

– social media: que é o profissional responsável pela gestão de redes sociais;
– copywriter: que é o profissional responsável pelo desenvolvimento de textos, roteiros e cartas de venda altamente persuasivas;
– gestão de tráfego: como é o caso do Parceiro Digital: Buscamos alavancar as suas vendas através de anúncios online.

Bônus: Marketplace

O Marketplace, surgiu no Brasil em 2012, e pode ser comparado a um shopping virtual, embora existam algumas diferenças.

Enquanto no Shopping você paga mensalmente pelo espaço alugado, no Marketplace você paga uma comissão sobre a venda por produto anunciado.

Este modelo é considerado um dos mais vantajosos, tanto para o pequeno empreendedor, quanto para o consumidor.

Para o pequeno empreendedor, o baixo custo e o alto giro de clientes, pode ser uma oportunidade única de crescimento.

Para o cliente, facilita a busca, já que este modelo reune várias marcas em um único lugar.

O cliente pode, sem muito esforço, encontrar o melhor produto e o melhor preço. A mais popular hoje em dia é a shopee, que tomou a frente da gigante mercado livre.

Player 1 VS Player 2:

dropshipping vs. marketing de afiliados

A primeira coisa que deve-se entender são as semelhanças e diferenças entre essas duas modalidades do mercado digital, então aqui está:

  • Ambos não tem a necessidade de ter um estoque físico
  • Dropshipping e marketing de afiliados tem baixo risco financeiro
  • Ambos possibilisam um início rápido e um aumento no número de vendas
  • Ambos necessitam de habilidade em marketing e criatividade.

Contudo, dropshipping consegue ser mais seguro do que o marketing de afiliados, pois não há uma meta de vendas a ser atingida antes que você possa receber o dinheiro, além de que, as comissões de afiliados costumam ser baixas se comparadas ao dropshipping.

produtor digital vs. prestador de serviço digital.

Produtores digitais são, como dito anteriormente, pessoas que são especialistas em determinado assunto e acabam por criar cursos, ebooks, vídeos, podcasts e afins, para vender posteriormente; Já prestadores de serviço são aqueles que em geral são pagos para produzir, otimizar, editar, ou lançar, o e-book, o vídeo, o podcast, o curso, e afins, de acordo com um material, ou ideia, pré-existente.

Enquanto produtores digitais ganham por produto vendido, prestadores de serviço ganham por serviço prestado.

Exercício Mental deste artigo.

Acho que agora é a hora que muitos esperavam…

Nada acontecerá se você não praticar, se você apenas estudar sobre e acumular você nunca vai lucrar com isso.

‘Todo conhecimento deve ser posto em prática”

Então sugerimos o seguinte exercício:
Escreva em uma folha ou em seu editor de texto preferido, qual o seu segmento, seu produto e/ou serviço, e depois descreva o que cada uma das categorias citadas neste post, podem fazer pelo seu negócio.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp